Brasileiros criam carro que roda mais de 300 km com apenas 1 litro de etanol

Todo mundo sabe que o preço dos combustíveis no Brasil não é nada amigável com o consumidor. Agora, imagine precisar de apenas de 1 litro de etanol (que custa em média R$ 2) para rodar mais de 300 km com um carro? É exatamente isso que um grupo de brasileiros está conseguindo fazer.

A inovação foi desenvolvida por estudantes paranaenses e chegou a ser testado já nos Estados Unidos em 2015. O veículo supereconômico é capaz de percorrer até 316 km com apenas um litro. Para efeito de comparação, essa é a distância aproximada entre as cidades de Ribeirão Preto e São Paulo. E não para por aí. A meta é que o veículo possa rodar por 400 km.

Para conseguir essa autonomia, os pesquisadores analisaram que os veículos precisariam passar por algumas modificações, inclusive estéticas. Segundo a análise, a redução do atrito do carro com o ar e o solo, a aerodinâmica e o uso de materiais que deixam o carro mais automóvel mais leve, como fibra de carbono, foram essenciais para atingir os resultados.

Por essa razão, o veículo é completamente diferente dos modelos existentes atualmente. Com formato cilíndrico, ele se chama Popygua e tem design que lembra uma espiga de milho. Ele também é incrivelmente baixo, como pode ser visto na imagem a seguir.
Já em termos de potência, o veículo precisa rodar na velocidade mínima de 30 km/h para conseguir economizar o combustível.
Via Olhar Digital

Volvo quer bater recorde mundial de velocidade com caminhão de 2.433 cv

Recordes de velocidades geralmente são feitos com superesportivos ou com protótipos feitos especificamente para tal façanha. Mas a Volvo quis quebrar essa lógica e construiu um caminhão de 2.433 cv para andar rápido, muito rápido. A marca tentará bater o recorde mundial de velocidade com seu supercaminhão e mostrará o resultado no seu canal do youtube no próximo dia 24 de agosto.
Batizado de The Iron Knight (O Cavaleiro de Ferro), o caminhão feito para bater recorde de velocidade foi produzido do zero (com exceção do motor e transmissão) numa parceria que envolveu técnicos, engenheiros e designers da Volvo Trucks.
As imagens não revelam com detalhes as linhas do modelo, mas é possível ver que ele tem inspiração no desenho dos modelos FH, com a frente contando com aberturas para entrada de ar para arrefecimento do motor e dos freios, além de ter a cabine projetada para ter menor resistência ao ar possível. Semelhante aos Fórmula Truck, o Iron Knight tem suspensão rebaixada, cabine de fibra de vidro, santantônio e até lanternas de led.
O caminhão é equipado com o motor D13, um seis cilindros de 13,0 litros que originalmente produz até 540 cv nos caminhões da série FH. No Iron Knight ele recebeu modificações como intercooler refrigerado a água, quatro turbocompressores, sistemas elétricos e eletrônicos remanejados para baixo e software reprogramado. O resultado disso são os insanos 2.433 cv de potência e 611,8 mkgf de torque.
O conjunto motriz é atrelado a uma transmissão i-Shift de dupla embreagem reforçada para suportar o elevado torque. Pesando cerca de 4,5 toneladas, o caminhão tem uma relação peso/potência de apenas 1,84 kg para cada cavalo (só um pouquinho a mais que os 1,8 kg/cv do Porsche 918 Sypder, o recordista de aceleração nos testes da QUATRO RODAS).

NOVE MUSEUS AUTOMOTIVOS QUE PODEM SER VISITADOS PELO STREET VIEW

Quase todos os principais museus automotivos do planeta ficam longe do Brasil, dificultando (e encarecendo) o passeio de quem planeja mergulhar na cultura do carro. Mas alguns desses lugares podem ser visitados sem você ter que sair de casa por meio do Google Street View. Confira abaixo os principais e as preciosidades escondidas em cada um deles – para acessá-los, basta clicar nos links sobre o nome dos museus.

Inaugurado em 2001, o Museu da Lamborghini, localizado nos arredores da fábrica da marca em Sant’Agata Bolognese (Itália), foi recentemente reformado para receber melhor os visitantes. O espaço ganhou também um novo layout para destacar mitos como o Miura, Coutach e Diablo. É possível ver ainda a rara picape LM 002, além dos modelos mais recentes como Murciélago, uma Gallardo de polícia e até conceitos, como o SUV Urus e o sedã Estoque.
Outro diferencial do museu da Lambo é que ele possibilita “entrar” dentro de alguns dos modelos expostos, permitindo uma experiência virtual ainda mais empolgante.

Além dos inúmeros carros, o museu da Porsche é um dos que possui a arquitetura mais bonita entre os apresentados nessa lista. De formas angulosas, o espaço aberto em 2009 na cidade de Zufenhausen (Alemanha) reúne todos os modelos que marcaram a história da marca, do pioneiro Porsche 356 ao eterno 911.
O local abriga protótipos de modelos polêmicos que salvaram as finanças da montadora, como Cayenne e Panamera, além dos carros de competição com as tradicionais cores da Martini Racing e os exemplares que correram em Le Mans. Vale destacar também a exibição de motores de embarcações e do V10 do Carrera GT.